• Corre Brasil

Conheça o atleta Daniel Castro, que perdeu 64kg e mudou sua vida através da corrida

Hoje ultramaratonista de 90km, atleta pesava 124kg, tinha vergonha de correr e não acreditava que um dia correria mais do que 5km


A história de hoje é a do carioca Daniel Castro, de 34 anos e 9 de corrida. Daniel pesava 124kg quando começou a correr. Daniel conheceu a corrida a convite de um amigo e por trabalhar na área.


Tudo começou como uma aventura despretensiosa, acima do peso e sedentário, Daniel começou a correr ocasionalmente e fez 9 meias maratonas com o peso inicial de 124kg.


Em 2017, após a perda da mãe, que tinha problemas de pressão, foi indicado pelo médico a realizar a cirurgia bariátrica, esta foi realizada em janeiro de 2018.

Apenas dois meses após a cirurgia, Daniel voltou a caminhar e correr e, em 9 meses, havia perdido 64kg.


"Hoje já corri em algumas cidades no Brasil e, ano passado, fiz minha primeira maratona e duas ultra maratonas, uma de 90km e outra de 52km."

Daniel Castro


O atleta relata que a maior dificuldade para ele era treinar, tinha vergonha por não conseguir manter um bom ritmo ao correr e isso se tornou um bloqueio para sua evolução nos treinos. Daniel ainda conta que o apoio que recebeu de amigos, colegas, staffs e corredores foi crucial para que ele se sentisse motivado e conseguisse evoluir em seus treinos e distâncias.


"Acredito que esse apoio foi fundamental para que eu não desistisse no início. Me sentia cansado e com dores, mas a satisfação de cruzar uma linha de chegada e receber tanto apoio me fazia esquecer tudo isso."

Daniel Castro


Daniel no Desafio Beto Carrero

Daniel participou este ano do Desafio Beto Carrero e completou os três dias de prova, sobre o evento, o atleta relata: "O Desafio Beto Carrero surgiu para mim como uma aventura no ano passado, e foi um imenso prazer participar. A prova é bem desafiadora, principalmente pelo fato de ter um percurso de 10km à noite e 21km logo pela manhã.".


Daniel viaja com sua esposa, Juliana, para correr, e no Desafio não foi diferente - ambos vieram do Rio de Janeiro para participar e divertir-se juntos e, quando dá, levam os amigos junto: "Gostei tanto de participar que voltei esse ano e indiquei para alguns amigos, inclusive um do Tocantins veio esse ano conhecer. O que me chama atenção na prova é a organização e o cuidado com que o corredor é tratado, tanto antes da prova, quanto durante e depois. Indico a prova a todos os meus amigos, para que eles sintam o clima maravilhoso que só quem corre essa prova sente. Saio daqui com vontade de voltar todo ano.".


Sobre a resposta aos feedbacks e solicitações dos atletas, Daniel enfatizou "Além disso, percebi que o corredor é ouvido pela organização: ano passado alguns reivindicaram uma massagem mais completa e esse ano a equipe era bem grande e com muitas técnicas e ferramentas. Isso é proporciona uma experiência ainda melhor para o atleta.".


Hoje, corredor apaixonado e cada dia mais motivado, Daniel está sonhando e se preparando para correr a Maratona do Rio.


Esperamos que, de alguma forma, a história do Daniel tenha inspirado e ajudado a melhorar o clima por aí.


Tem ou conhece alguém com uma história legal na corrida? Compartilhe conosco via Facebook ou Instagram!




Adriana L. Fort Marquez

Assessora de Comunicação e Conteúdo

Marketing Corre Brasil



Atendimento assessorias e atletas:  atendimento@correbrasil.com.br
Parcerias e novos projetos: projeto@correbrasil.com.br
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social
REDES SOCIAIS:

 

Todos os direitos reservados - CORRE BRASIL - © 2019