• Corre Brasil

6 PILARES DA CORRIDA PARA MELHORAR SEU DESEMPENHO

Quer manter ou melhorar seu desempenho? Não sabe o que está fazendo errado? Então vamos dar uma olhada nestes pilares essenciais para uma performance plena na corrida.

Imagem: istock


Todo corredor sabe que corrida não se baseia em simplesmente correr, quem corre regularmente costuma ter alguns cuidados específicos e adotar hábitos para conseguir correr de forma segura.


Mas, mais além da segurança e da realização de correr em si, você tem cuidado dos seis pilares que são a base para um bom desempenho na corrida? Talvez sua queixa sobre a performance tenha a ver com seus hábitos ou até algumas visões erradas sobre um estilo de vida saudável.


Se você sente que seu desempenho poderia ser melhor, ou percebe que alguns dias você corre bem e outros nem um pouco, preste atenção, porque talvez você esteja seguindo uma "receita" de corrida errada ou não apropriada para o seu organismo.


Confira aqui os 6 pilares para a corrida:


1. SONO ADEQUADO

E quanto é "suficiente"? Oito horas? Sete? Na verdade não existe essa história de quantidade de horas perfeita para um indivíduo se sentir descansado.

Um erro muito comum de atletas em geral é pensar que acordar cedo lhe dará mais disposição, ou dormir 7 horas é a chave para ter energia... quando, na verdade, tudo isso é muito relativo. É necessário que você perceba seus padrões, entenda como seu corpo se sente mais confortável, analise os sinais e entenda que você é único, o que é suficiente para você, para outras pessoas não é, e vice-versa. Ouça o seu organismo e não force condutas ou hábitos que não funcionam para você!


2. HIDRATAÇÃO

Esse é um ponto muito importante. E pode esquecer aqueles 2L de água diários, esse número é muito genérico e não abrange atletas de corrida. A sua necessidade de água é baseada em muitos fatores, como genéticos, de peso, altura, atividade, idade, etc. Se você treina regularmente e pratica atividades físicas diariamente, pode esquecer a regra dos 2 litros de água! Você vai precisar de, pelo menos, o dobro.


3. AQUECIMENTO E ALONGAMENTO

Atividades muito negligenciadas por nossos atletas, tanto o aquecimento, como o alongamento, são etapas primordiais para um bom desempenho em seus treinos ou provas. Aquecimentos e alongamentos educativos, por exemplo, são movimentos que auxiliam não somente em sua mobilidade, mas também no preparo e no autoconhecimento de seu corpo. Uma vez que, ao aquecer e alongar com exercícios educativos próprios para corrida, você conseguirá identificar debilidades, dores, e até prevenir lesões durante o percurso da corrida. É importante que você sinta o seu corpo antes e depois da corrida e consiga entender o que pode ser feito para melhorar qualquer deficiência que seu corpo esteja apresentando.


4. NUTRIÇÃO

E aqui podemos apresentar dois tipos de corredores que estão se alimentando de forma errada: aqueles que correm para comer mais e aqueles que comem menos para correr mais. A corrida não pode servir de justificativa para que você coma qualquer coisa e o tempo todo, e nem ser o motivo pelo qual você se prive de comer, não é bem por aí! A corrida, principalmente nas maiores distâncias, demanda sim consumo de alimentação balanceada e rica em carboidratos. O ideal é que o atleta tenha acompanhamento nutricional, mas a regra básica é: escolha alimentos de rico teor nutricional, pois eles não te darão apenas energia, mas também os nutrientes que você precisa para regenerar tecidos e manter o seu corpo saudável. Comer demais ou ficar só na saladinha, não vão te ajudar a melhorar a performance.


5. SAÚDE MENTAL

E esse é um dos pilares mais importantes, porque uma mente que não está saudável, afetará todos os outros pilares para um bom desempenho. Adquira hábitos que te ajudem a sentir-se melhor e acalmem sua mente, tais como: meditação, rituais de autocuidado, exercícios de respiração, alongamentos, música, etc. Abuse de tudo que te acalme e te deixe feliz e em paz!


6. AUTOCONHECIMENTO

Um pilar que está presente, de certa forma, em todos os outros pilares, tanto para desempenho na corrida, quanto para saúde de forma geral. É sempre essencial estar ciente e dar a devida atenção aos sinais de nosso corpo. Fez um percurso maior e se sentiu mal? Talvez não seja hora de aumentar o volume! Acordou sentindo uma dor esquisita? Talvez seja melhor ficar em exercícios de alongamento e não correr neste dia. Parte do autoconhecimento é apenas não ignorar o que já é um fato, se você não se sente bem, não ignore isso. Tente sempre solucionar o que não está de acordo, porém, sem colocar nenhum tipo de pressão neste resultado.


Já que estamos falando em desempenho: você sabia que desafios pessoais ajudam a manter o foco no alcance das metas e, assim, colaboram com o estímulo que precisamos para melhorar nossa performance?

Que tal utilizar um desafio virtual para manter o foco e melhorar o desempenho para objetivos maiores?

O Corre em Casa Desafio 21k propõe uma superação pessoal, por isso temos os percursos de 3k, 6k, 12 e 21k, além do desafio 21k em três dias. Escolha o seu e venha correr conosco!


Para mais informações sobre o evento, regulamento e inscrições, clique aqui.




Conteúdo:

Adriana Marquez

Marketing \ Corre Brasil

54 visualizações
Atendimento assessorias e atletas:  atendimento@correbrasil.com.br
Parcerias e novos projetos: projeto@correbrasil.com.br
REDES SOCIAIS:

 

  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social

Todos os direitos reservados - CORRE BRASIL - © 2019